Uma Pergunta Que Você Deve Fazer Em Cada Reunião

  in Aplicativo para Eventos, Aplicativo para Reuniões, Interação em Tempo Real, Mobile - 8 de setembro de 2015

“A verdadeira sabedoria é saber o que você não sabe.”

– Confúcio

Se um funcionário após se aposentar, sai pela porta da frente levando a TV da sala de conferências, a chance dele ser parado ou abordado por um segurança é muito grande. Agora, imagine se esse mesmo funcionário sai de uma reunião sem compartilhar informações valiosas que só ele sabia, uma má decisão do grupo poderia sair muito mais cara do que a TV.

Mas por que um funcionário não compartilha informações valiosas em uma reunião?

….Isso acontece muito mais do que você imagina.

Para ver como o compartilhamento de informações acontece no mundo real, os pesquisadores estudaram um grupo de executivos de alto nível quando eles estavam em processo de contratação de novos funcionários. Depois de rever currículos, os executivos de alto nível tiveram uma reunião para discutir quem eles acreditavam que era o melhor candidato.

Antes da reunião, cada executivo tinha pesquisado os candidatos potenciais independentemente. Quando eles se juntaram para discutir sobre os candidatos, é de se supor que essas pessoas inteligentes iriam juntar seus conhecimentos coletivos para revelar a melhor escolha…. Mas isso não aconteceu.

funcionários colaborativos

 

 

 

 

 

 

 

 

Em vez disso, os executivos de alto nível concentraram-se nas informações que todos eles compartilhavam, dando pouca atenção à informação valiosa que uma ou poucas pessoas seguravam. No final, os executivos fizeram más decisões. Apesar de ter todas as peças do quebra-cabeça, eles não conseguiram junta-las.

quebra cabeça

 

 

 

 

 

 

O que impede as pessoas de compartilhar informação valiosa e única durante as reuniões?

Parece irracional que as pessoas sentem sobre informações valiosas. Será que não compartilhar a informação valiosa os fazem parecer mais inteligentes?

Até você examinar as recompensas e os custos é que isto começa a fazer sentido.

INFORMAÇÕES COMPARTILHADAS GANHAM RECOMPENSAS SOCIAIS

Estudos mostram que quando alguém compartilha informações que você já conhecia antes, você passa a gostar deles e de si mesmo mais do que antes, porque você supõe que você deve ser mais inteligente se você já sabia desta informação, e você gosta deles mais por fazer você se sentir inteligente.

Quando duas pessoas se encontram pela primeira vez, seja no trabalho ou em um evento de networking, a conversa normalmente muda de tópico para tópico até os dois encontrarem um interesse comum.

RISCO SOCIAL DA INFORMAÇÃO EXCLUSIVA

Os membros do grupo que compartilham informações exclusivas que desafiam a visão dominante do grupo tem o risco da desaprovação de seus pares. Idealmente, todos estariam abertos a diversos pontos de vista, mas não vivemos num mundo ideal. A pressão para manter uma boa posição dentro do grupo, muitas vezes silencia as pequenas dúvidas mais significativas. Uma maneira de reduzir a pressão social é, aproveitando o poder de anonimato nas reuniões.

LÍDERES COGNITIVOS CENTRAIS

As pessoas que conduzem a reunião ou definem a agenda geralmente têm a maior influência na reunião, além de possuírem o mínimo de conhecimento único. Líderes de reuniões tendem a ser centrais cognitivos, colocando mais foco e importância no conhecimento que é comum a todos. Para ser justo, é difícil para um líder discutir alguma coisa, se eles não sabem que ela existe. É por isso que é importante para os líderes das reuniões fazerem perguntas que revelam o que eles não sabem.

A PERGUNTA QUE CADA LÍDER DE UMA REUNIÃO DEVE PERGUNTAR

Se você quiser fazer reuniões mais produtivas, você deve fazer uma versão desta pergunta: Existe alguma coisa importante sobre este tema que não discutimos?

Você quer descobrir informações que são únicas e valiosas. Uma maneira de fazer isso é realizar simulações contrafactuais onde você pede para as pessoas imaginarem cenários no futuro. Por exemplo, um líder que está trabalhando para o lançamento de um produto poderia perguntar:

Finja que passaram seis meses e o lançamento do produto falhou, por que ele falhou?

Agora imagine que o lançamento do produto foi bem sucedido. Por que foi bem sucedido?

Fazer perguntas que procuram informações ocultas irão ajudá-lo a tomar decisões mais consistentes e, finalmente, melhores. Para adaptar o que Confúcio disse, os líderes sábios não são definidos pelo que eles sabem, mas por sua capacidade de descobrir o que eles não sabem.

Tags: , , , , , , , , , ,


  • Blog

  • mautic is open source marketing automation